Tipo de conteúdo ideal para cada etapa do funil

Já falamos inúmeras vezes, e sempre reforçamos, que o marketing de conteúdo é sim um diferencial para toda empresa que quer ter um melhor posicionamento de sua marca. Isso porque compartilhar conhecimento, gera um bom relacionamento entre empresa e públicos.

Por meio do uso de bom conteúdo, é possível atrair pessoas, convertê-las em leads, qualifica-las e, então, vender seu serviço ou produto para elas.

Mas, para que esse objetivo seja concluído com sucesso, é preciso pensar, estrategicamente, em conteúdos específicos, para cada etapa do funil em que o lead está, para que ela possa evoluir dentro da sua jornada.

É necessário personalizar conteúdos é fundamental, pois em cada etapa, a pessoa tem uma demanda diferente de informação.

Sendo assim, como definir qual é o conteúdo ideal para cada etapa do funil?

 

Topo de funil – Suspects

Também conhecido como entrada de funil e é a parte mais larga do funil. Isso porque é a fase de descoberta da marca.

Para essa etapa do funil é recomendado conteúdos mais básicos e abrangentes. Isso para proporcionar que as pessoas despertem a consciência, descoberta do problema ou mesmo a curiosidade.

Ofereça conteúdos com solução de problemas, ajude a criar uma base de conhecimento, mostre novidades do mercado, dê dicas, explique assuntos relacionados ao problema, apresente conceitos, enfim, o foco é disseminar a informação.

Neste estágio da jornada o lead se utiliza de ferramentas de busca, por isso o ideal para esta etapa são os artigos para blogs, compartilhamento em redes sociais ou, até mesmo infográficos.

 

Meio de funil – Prospects e leads

Aqui, as pessoas já estabeleceram certa confiança com sua marca, então forneça conteúdos para que elas se tornem prospects ou leads.

Para isso, entregue conteúdos mais personalizados, para que vocês tenham mais proximidade.

Aposte em e-mails personalizados, conteúdos com maior frequência, aqui a automação de marketing e segmentação são bem-vindas.

Os conteúdos precisam ser elaborados de forma mais específica, explique como fazer uma determinada etapa do serviço, vantagens e desvantagens de usar certas ferramentas ou metodologias, guias e demais conteúdos que entreguem a proposta do seu serviço ou produto.

Aqui, o foco do conteúdo é ser educativo, útil e que aprofunde conceitos e conhecimentos. O importante aqui é ter um conteúdo instrutivo. Neste sentido os e-books, webinars e páginas em seu site, podem ser utilizados.

 

Fundo de funil – Oportunidades

Se o seu lead chegou até aqui, ele está qualificado e atende as características da sua persona. Nessa etapa do funil, o lead já tem um conhecimento aprofundado sobre seu problema, soluções e os resultados que ele pode ter.

Neste momento a abordagem do conteúdo, está focada na diferenciação da sua solução, com as demais disponíveis no mercado. Sendo assim, aposte em relatos de clientes, como os Casos de Sucesso, pesquisa de mercado, gráficos comparativos e nas páginas de solução ou produtos do seu site.

Essa é a oportunidade ideal de proporcionar um contato direto com as suas soluções, que tal oferecer ferramentas, métricas, casos de sucesso… Ah, e não se esqueça de inserir um call-to-action de “Fale com um consultor” ou “Faça um teste free”.

Abras as portas para a conversão desses leads, para que ele possa ser abordado pela equipe de vendas e se torne um cliente.

 

Agora que você conquistou clientes valiosos, não se esqueça de criar estratégias para a manutenção desse relacionamento, afinal, de nada vai adiantar tanta dedicação, para esquecer e deixá-lo ir embora.

Crie novas jornadas de compra, para uma solução complementar… As opções são muitas, mas podemos falar sobre isso em outro artigo.

Com essas dicas, os conteúdos para seu funil de vendas será planejado de uma maneira assertiva e potencializar seus resultados.

 

Rayanne Alves

Supervisora de Criação

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta